Morre Genival Matias, vice da ALPB

Um mal súbito durante passeio de jetski, na manhã deste domingo, levou à morte do deputado estadual Genival Matias, vice-presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba. O velório e o sepultamento ainda serão definidos.

Presidente estadual do Avante, ele estava no litoral de Pernambuco onde passaria a tarde em lazer com outros parlamentares. Entre os presentes estava o deputado Felipe Leitão e o seu pai, Mikika Leitão.

Em nota, o presidente da ALPB, deputado Adriano Galdino, disse estar extremamente consternado com falecimento prematuro de Genival, um irmão que a vida pública lhe deu. Galdino também prestou solidariedade aos familiares e amigos.

O governador João Azevêdo também lamentou, com profundo pesar, a morte de Matias e decretou luto oficial de três dias. “Que neste momento de luto e tristeza, Deus possa confortar sua família e aliviar a dor de todos os que gozaram do seu convívio”, afirmou.

O prefeito de João Pessoa e presidente estadual do PV, Luciano Cartaxo, lamentou o falecimento do parlamentar. “Lamentamos o falecimento de Genival Matias, um parlamentar que vinha exercendo um bom trabalho em defesa dos interesses do paraibanos, e que nos deixou neste domingo de forma inesperada e precoce. Desejamos serenidade à família e amigos, pedindo a Deus que conforte seus corações e dê forças para superar a perda”, declarou.

Vice-presidente da ALPB, Genival Matias estava no terceiro mandato de deputado estadual. Em 2010, chegou à Casa e foi reeleito em 2014. Empresário do ramo da mineração e da construção civil, herdou a política de seu pai, o juiz federal Genival Matias, que foi vice-prefeito de Juazeirinho, no Seridó paraibano.

Com a falecimento do deputado, a vaga de titular é herdada pelo suplente Anísio Maia (PT), pré-candidato a prefeito de João Pessoa.

Leave a Reply

Your email address will not be published.